O SEXO DA CONTEMPORANEIDADE

Fala galera,

A postagem de hoje será sobre sexualidade mais uma vez. Na primeira vez que abordei, obtive bastante repercussão da parte de vocês, espero que o texto de hoje traga bastante reflexões e opiniões sobre o tema também. 

Pois bem, gente, o que venho reparando é a falta de prazer. Sim, a falta de prazer! O sexo, para algumas pessoas, não é mais uma troca de energias e fluidos. Eu costumo dizer que virou alvo pra amostração. Os corpos femininos viraram troféus onde é mais conveniente apresentar aos amigos uma mulher com belas curvas e chama-la de "minha". 

Quantas vezes já ouvimos rapazes com frases do tipo "já comi" em rodas de bares? O que as pessoas tem haver com isso? É tão bacana assim dizer que "já comeu" alguém? Se você comeu ela, logicamente, ela te comeu também. Você gostaria de ser comentado dessa maneira na rodinha de amigas ou amigos dela? 


Mas, sabe o que é? É que o sexo se transformou  uma briga de egos, onde quem come mais, quem goza mais, é superior, é o fodão. Deixou claramente de ser fonte de prazer e virou uma estatueta de diamantes com belos pares de seios ou barrigas trincadas  (porque isso vale para ambos os gêneros), fazendo eu chegar ao ponto de vista que as pessoas não tem compreensão da essência do sexo.

Infelizmente, o mundo moderno faz sexo para impressionar, se orgulhar. E é por isso que passo longe de abraços orgulhosos; de mãos orgulhosas segurando a minha mão ou minha cintura, de gente que tem orgulho de ter se relacionado comigo. Até porque meu corpo não é um troféu! 

Nenhum comentário

NÃO USE OS TEXTOS AQUI CITADOS PARA FINS LUCRATIVOS. CASO CONTRÁRIO SERÁ CONSIDERADO PLÁGIO. . Tecnologia do Blogger.